Categorias
Sem categoria

Descobrindo e corrigindo erros

Olá, eu sou Maria Conceição de Lacerda, editora deste site da Casa de Nazaré. Vim dar minha cara a tapa.

Este ano fiz uma postagem, em nome da diretora do Centro de Educação Popular e Promoção Humana Casa de Nazaré apresentando uma extensão da Casa de Nazaré, conforme fotos abaixo.

O que houve?

Incompreensão da informação.

No inicio do trabalho com este site, eu morava muito próxima da Casa de Nazaré, as vezes eu mesma registrava o evento através de imagens, assistia, conversava e publicava.

Neste ano de 2020, mudei para bem distante, mas continuo cuidando do site, recebi as imagens e o áudio por WhatsApp e publiquei as fotografias e o texto.

Mas esta casa tem outra função, nela estão começando a desenvolver um trabalho de saúde alternativa e até já ganhou um nome: Santa Edvirgem.

Então caros leitores, estamos corrigindo o equivoco. O áudio foi gravado muito baixo e dizia que eu podia publicar no site da Casa de Nazaré, que haviam ganhado este terreno, havia mais palavras no texto, que por não tê-las compreendido bem não posso dizer o que foi dito, entre as palavras estava a palavra extensão.

Eu devia ter sido menos afoita e perguntado, pedido detalhes sobre as sete fotografias que estavam disponibilizadas para ser publicadas neste site. Dito que não consegui ouvir bem, mas de primeira mão entendi, publicar, Casa de Nazaré, ganhamos o terreno, e ainda no áudio a palavra extensão. Publiquei com o título Extensão da Casa de Nazaré.

Errar é humano, e o nosso trabalho da Casa de Nazaré é sério, somos muito responsáveis pelo que fazemos e pelo que publicamos, por isso, o post de hoje vem corrigir este erro e mais uma vez compartilhar este lindo trabalho que a Equipe: Irmãs Maristas, Casa de Nazaré e Santa Edvirgem fazem em Ji-Paraná.

Carinhosamente, Maria Conceição de Lacerda.

Por guardiadahistoria

Sou Mulher, brasileira, solteira, professora, religiosa consagrada (Católica) Antropóloga e Historiadora. Nasci quando o Brasil estava em estado de sítio, antes de completar 2 meses houve o golpe militar. Apesar de minha rebeldia, escapei do olhos, da prisão e da tortura e sobrevivi ilesa

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.